Carregando...

FERRO

30 cápsulas de 500 mg (29 mg)
  • Auxilia no funcionamento do sistema auto imune
  • Atua no metabolismo energético
  • Contribui com o transporte do oxigênio no organismo
Energia e disposição
R$49,20
Compra segura
  • Prevenção e tratamento da anemia
  • Pele, unhas e cabelo
  • Disposição
  • Desenvolvimento cognitivo

Especificações do produto

Formato
Cápsula
Quantidade por cápsula
29 mg de ferro
Modo básico de consumo
1 cápsula ao dia
Melhor horário para tomar ferro
Preferencialmente junto com sucos ou alimentos cítricos

Informações úteis

Você sabia que a deficiência de ferro é a doença mais comum em todo o mundo? Isso mesmo – e ela está diretamente associada à anemia leve ou grave, afetando o funcionamento do corpo humano como um todo. Para a reposição de ferro, além da alimentação, consumir suplementos ajudará a aumentar o mineral rapidamente.

Esse nutriente tem como função fabricar os glóbulos vermelhos e transportar oxigênio para todas as células. Por isso, sua falta no organismo resulta em fadiga e dificuldade de concentração, prejudicando a qualidade de vida.

Benefícios do ferro

O ferro participa da produção da hemoglobina, que transporta o oxigênio para todos os tecidos no corpo, como cérebro e músculos, garantindo força e energia para você executar todas as funções do dia a dia.

Artigos científicos

A ciência está constantemente buscando informações sobre a nutrição e seus benefícios para o corpo humano

Marcia Elisabethe

Como os produtos da OMV são personalizados para meu estilo de vida, eu percebi rapidamente os resultados do consumo das vitaminas sugeridas para mim, amei.

Douglas Lessing

Sou cliente de várias outras marcas de suplementos, mas fiquei impressionado com a qualidade dos produtos da OMV, realmente o time de nutricionistas deles é excelente.

Iara Salissa

Gente é muito prático!! Eu optei pela assinatura dos produtos, dai os produtos chegam na minha casa todo mês. E mais prático ainda é poder levar minhas vitaminas onde quiser, levo para o trabalho todo dia.

Cristiane Santos

O que eu mais gostei é que os produtos vem em pacotinhos contendo exatamente as doses diárias de cada produto, além da embalagem ser linda de morrer rsrsrs.

Como usar

Ferro

O Ferro pode ser consumida em qualquer horário do dia.

O organismo precisa

14 mg por dia de ferro

Em um indivíduo adulto

As deficiências podem afetar a energia, o sono, a regularidade e a frequência da enxaqueca.

A deficiência de ferro afeta 30% das pessoas em todo o mundo.

O que é e para que serve o ferro?

O ferro é necessário para garantir vida e saúde para todos nós, já que participa de diversos processos metabólicos. O mineral não é estocado no organismo – e esse é mais um dos motivos que faz com que sua ingestão deva ser diária por meio de alimentos ricos em ferro ou até mesmo um suplemento de ferro. No corpo, o mineral serve como um nutriente importante para a produção das células do sangue, auxiliando no transporte de oxigênio do pulmão para o resto dos tecidos, síntese de DNA, transporte de elétrons, funcionamento do sistema imune e desenvolvimento cognitivo.

O que é e para que serve o ferro?
O que causa a deficiência de ferro?

O que causa a deficiência de ferro?

A falta de ferro geralmente é causada pelo consumo insuficiente do mineral, que não acompanha as demandas do organismo. Ainda, dificuldades na absorção do ferro ou perdas de sangue – conhecidas ou ocultas – também são possíveis causas da deficiência do mineral no corpo.

Grupos de risco para a falta de ferro

Crianças e gestantes

Níveis reduzidos de ferro costumam ocorrer quando a necessidade do mineral não é suprida. Por sua vez, para o crescimento e desenvolvimento de crianças, o ferro é muito requerido e gestantes precisam mais do mineral para produzir sangue e nutrir o bebê. Esses motivos fazem com que os dois grupos sejam mais suscetíveis a desenvolverem deficiência de ferro e precisem de atenção redobrada. Nesses casos, um suplemento de ferro costuma ser recomendado por nutricionistas e médicos.

Idosos e mulheres em idade fértil

A perda de ferro em idosos é geralmente decorrente do uso de medicamentos que causam sangramento gastrointestinal. Em mulheres com idade fértil, a perda excessiva pode decorrer de menstruações abundantes. Por isso, esses grupos também são classificados como de risco para falta de ferro e utilizam suplementos para a anemia.

Grupos de risco para a falta de ferro
Quais os sintomas da deficiência de ferro no organismo?

Quais os sintomas da deficiência de ferro no organismo?

O corpo sente quando está faltando ferro, principalmente porque esse nutriente é importante para o transporte de oxigênio. Dificuldades de oxigenação do pulmão para o restante das nossas células fazem com que o aporte inadequado resulte em sintomas que atrapalham a rotina, como:

  • cansaço constante;
  • palidez na pele e mucosas;
  • dores de cabeça;
  • palpitações cardíacas;
  • cabelo com queda e enfraquecido;
  • síndrome das pernas inquietas (SII);
  • glossite (língua inchada, inflamada ou pálida);
  • unhas de colher (um tipo de deformidade comum na placa ungueal);
  • disfagia (dificuldade para engolir).

O que a falta de ferro no sangue pode causar?

Quando os estoques corporais de ferro estão reduzidos, há prejuízos no transporte de oxigênio e elétrons, além de alterações na síntese de DNA. “E quais as doenças causadas pela falta de ferro no organismo?” É chamado de anemia ferropriva a doença pela deficiência do ferro – a qual é a mais comum entre todos os tipos de anemia. A anemia pode levar a uma piora do quadro geral, com fadiga progressiva aos mínimos esforços e déficit de oxigenação, causando danos diversos, desde problemas cardíacos até neurológicos.

O que é e qual a causa da anemia?

Como mencionado, anemia ferropriva é o tipo de anemia decorrente da deficiência de ferro no corpo, levando à quantidades insuficientes de glóbulos vermelhos saudáveis e, diante disso, a prejuízos no transporte de oxigênio no organismo. É por isso que os suplementos de ferro também são chamados de suplementos para anemia. No entanto, os motivos que justificam a falta de ferro no corpo são variáveis, podendo ser tanto pela carência na ingestão do próprio mineral, como na de outros nutrientes, incluindo zinco e vitamina C, além de perdas expressivas de sangue.

O que a falta de ferro no sangue pode causar?
Quais os sintomas da anemia ferropriva?

Quais os sintomas da anemia ferropriva?

Os sintomas são os mesmos da deficiência de ferro. Sendo assim, o que a anemia causa no corpo inclui fadiga, menor disposição, palidez, falta de apetite e dificuldade de concentração. Ainda, a síndrome das pernas inquietas (SPI), que é um impulso desagradável de mover os membros durante períodos de inatividade, é comum. Mesmo que você apresente todos os sintomas, é necessário consultar um profissional de saúde especializado, como médico ou nutricionista, para realizar determinados exames laboratoriais e confirmar o diagnóstico.

Como saber quando o ferro está baixo?

Caso você esteja com sintomas de deficiência de ferro, é hora de consultar um médico ou nutricionista para investigar o caso e descobrir se o mineral está baixo ou há outro fator causando anemia ferropriva. O teste diagnóstico inicial mais preciso para detectar deficiência de ferro é a dosagem de ferritina sérica, que é a mais importante proteína de reserva do mineral e uma das maneiras para avaliar sua falta.

O que a ferritina baixa pode causar?

Pessoas com concentração de ferritina sérica inferior a 25 mcg/l têm probabilidade alta de serem deficientes em ferro.

O que a ferritina baixa pode causar?
O que pode acontecer se a pessoa tem a ferritina muito baixa?

O que pode acontecer se a pessoa tem a ferritina muito baixa?

A ferritina muito baixa pode provocar sintomas graves, levando à fadiga extrema e até problemas cardíacos e neurológicos.

Qual nível de ferritina é preocupante?

O ideal é que os exames estejam sempre dentro dos níveis recomendados e, portanto, qualquer nível de ferritina abaixo já deve ser considerado preocupante.

O que é bom para curar anemia?

É preciso descobrir a origem do problema para realizar o procedimento adequado para a anemia – e isso também é feito com o auxílio de um profissional capacitado e a realização de exames laboratoriais. O levantamento dos hábitos alimentares do indivíduo ajuda a encontrar a causa, para as devidas atitudes para curar a anemia serem tomadas. Muitas vezes, é preciso corrigir a alimentação, incluindo alimentos e suplementos para anemia.

Como saber se devo fazer reposição de ferro?
Como saber se devo fazer reposição de ferro?

Como saber se devo fazer reposição de ferro?

Fazem parte do grupo de risco para a anemia por deficiência de ferro as mulheres em idade fértil, os idosos, as crianças e os adolescentes em fase de crescimento, assim como indivíduos que passaram por redução de estômago. A necessidade de ferro durante os primeiros anos de vida e na gestação são muito elevadas e, por isso, se recomenda a adoção de medidas complementares com o intuito de oferecer ferro de forma preventiva. Uma vez constatada a anemia por deficiência de ferro, é importante que você faça o acompanhamento com um profissional de saúde. Às vezes, apenas adicionar alimentos para anemia não é suficiente para corrigir o problema, e a reposição de ferro através da suplementação se faz necessária.

Tipos de suplementos com ferro

Para realizar a reposição de ferro, os suplementos de ferro mais usados para combater a anemia são de sulfato ferroso. Nesse caso, é muito importante receber orientações de um profissional de saúde especializado, como médico ou nutricionista. A OMV oferece o melhor suplemento de ferro em cápsulas. Em alguns casos, o ferro também é aplicado por injeção endovenosa.

Como tomar ferro e por quanto tempo?

Para tomar um suplemento de ferro por via oral, basta um copo d’água. O ideal é que ele seja ingerido junto com uma fruta cítrica para aumentar a sua absorção. O tempo irá variar de acordo com os seus objetivos.

Cuidados com o excesso de ferro

Altas concentrações de ferro nos tecidos corporais levam a danos nos tecidos, como resultado da formação de radicais livres. Por isso, além de cuidar da deficiência de ferro, é preciso ter cuidado com a sobrecarga de ferro e suas consequências, como doenças neurodegenerativas.

Possíveis efeitos colaterais

• Azia e queimação no estômago;

• náuseas e vômitos;

• gosto metálico na boca;

• sensação de estômago cheio;

• fezes escurecidas;

• diarreia ou prisão de ventre.

Suplementos com ferro

Mais informações

30

Ainda tem dúvida em que vitamina usar ?

Responda o quiz